Canelada

Home | « Todos os posts do Fogão

[Botafogo 4 x 0 Deportivo Quito] (A) GIGANTE VOLTOU!

por
6/02/14

Quem não foi, perdeu!

Outras oportunidades virão, mas quem viveu a noite do dia 05 de fevereiro de 2014 no Maracanã, sabe que marcou.

Saindo de todos os cantos do país, largando tudo e todos, uma massa alvinegra se aglomerou no Jornalista Mário Filho e fez história.

O destaque aqui hoje não é para o time, que fez sua parte e deu um show em campo, mas para você, torcedor alvinegro.

Portanto, vou fazer um relato do que vi e senti desde que adentrei ao estádio.

Para evitar a recorrente desorganização do “consórcio Maracanã”, cheguei relativamente cedo, por volta das 20h45.

Entrei e, quando avistei as arquibancadas, um bom número de pessoas já preenchia aquelas cadeiras multicoloridas.

A festa prometia. E assim foi.

Uma hora antes, alvinegros saudosos e empolgados cantavam em plenos pulmões os cânticos do clube.

Uma mistura de ansiedade, alegria e emoção envolvia os botafoguenses presentes. Isso era nítido.

A expectativa de que tudo desse certo. De que 50 mil apaixonados não saíssem daquele local lamentando mais uma decepção.

Time entrando em campo. Mosaico “surpresa” sendo montado. Luzes. Torcida gritando mais alto do que nunca. Impossível não se arrepiar.

Emoção. Lágrimas de felicidade.

Era algo novo para a maioria que estava lá, uma sensação diferente.

No primeiro tempo houve um nervosismo capaz de matar um do coração. Bola na trave, na rede, na arquibancada. Esse foi o retrato do ambiente dentro e fora do campo.

Parecia que as cadeiras iam quebrar. A cada erro, uma explosão de socos e chutes por todos os lados. Acima do normal. Afinal, não era um jogo normal. Era o JOGO do ANO.

Até que um iluminado jogador, um dia artilheiro da Libertadores da América, reviveu seus dias de glória e brilhou. WALLYSON!

UM, DOIS, TRÊS, a cada gol a torcida ia à loucura. Era como se estivesse em êxtase. Estava, aliás.

Tão criticados em anos anteriores, os alvinegros sobressaíram e empurraram a bola para o gol junto com Wallyshow.

Até o Henrique fez o seu. O jovem atacante, que passou a temporada passada sem marcar um golzinho sequer, fechou o placar.

Fim. Vitória e goleada para espantar os fantasmas.

Canta mais alto alvinegro. Canta que o momento é seu. Não foi só o GIGANTE Botafogo que voltou. A GIGANTE torcida também.

Ontem ela mostrou que pode. Fez um show. Calou os críticos. E ainda fez isso repercutir em todo o mundo.

O BOTAFOGO não precisa de jogador famoso para aparecer no mundo. Ele tem sua força. Sua torcida. E isso basta!

S.A
@AnaCbfr

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

8 comentários

  1. Juliocesar Alves Oliveira disse:

    porra falou tudo o botafogo tem a sua torcida e isso basta emocionante

    [Reply]

    Ana Frontelmo Reply:

    @Juliocesar Alves Oliveira,
    Isso aí! Nós somos o BOTAFOGO! 😉

    [Reply]

  2. Matheus Borges disse:

    Perfeito, Aninha!!

    [Reply]

    Ana Frontelmo Reply:

    @Matheus Borges,
    Valeeeu Matheus!! 😉

    [Reply]

  3. Goyo Elb disse:

    O maior patrimonio do clube a sua torcida.

    [Reply]

    Ana Frontelmo Reply:

    @Goyo Elb,
    ISSO AE! 😉

    [Reply]

  4. Denis Bonincenha disse:

    Showw

    [Reply]

    Ana Frontelmo Reply:

    @Denis Bonincenha,
    Valeeu! 😉

    [Reply]

Gostou? Não? Comenta aí: