Canelada

Home | « Todos os posts do Timão

Corinthians apresenta terceiro uniforme na cor azul

por
14/09/16

Time estreia a “Camisa do Inexplicável”amanhã (14), na partida contra o Coritiba

 

O Corinthians é um clube de ídolos e feitos que vão além da compreensão da maioria. O que não faz o menor sentido para os torcedores adversários, para o corintiano é uma questão de identidade. Por isso, para o lançamento do terceiro uniforme, a Nike e o clube se apropriaram dessa verdade para criar o conceito “Corinthians Não Se Explica”, que inspirou o desenvolvimento da nova camisa.

Afinal, algumas coisas só acontecem com o Corinthians. Muitos fatos do passado histórico e recente do clube são considerados tão incríveis e inesperados que parecem impossíveis de explicar. Em 1976, cerca de 70 mil corintianos invadiram o Rio de Janeiro e dividiram o Maracanã, no maior deslocamento de torcedores já visto até hoje. Um ano depois, num movimento inédito de pura paixão, a torcida cresceu exponencialmente, ainda que no período do maior jejum de títulos do clube. No início da década de 80, os ídolos do time estabeleceram uma democracia em plena ditadura. Durante o campeonato paulista de 1996, o Pé de Anjo fez uma obra prima em pleno templo do Rei, na Vila Belmiro. E quando todos projetavam o óbvio, foi o Corinthians que trouxe o Fenômeno de volta ao Brasil.

E se o Corinthians não se explica, a nova terceira camisa do clube não foge à regra. Desafiando o senso comum, o mais novo manto do Timão não é branco, preto e nem preto e branco. Predominantemente azul, a camisa, além de gola V e a descrição “Coringão” na parte de trás,  também traz listras horizontais que potencializam o efeito degradê até chegar ao azul claro na barra, mesma cor do calção e das meias.

“Desde 2003, a Nike e o Corinthians formam uma das parcerias mais vitoriosas e duradouras do futebol mundial. Depois de trabalhar tanto tempo em conjunto, entendemos que o Corinthians é um clube diferente de qualquer outro, dono de uma identidade ímpar quando o assunto é a relação entre seus jogadores e sua torcida.  Levando isso em consideração, criamos em parceria com o clube esta nova camisa 3, que foge totalmente do convencional e propõe uma nova fase de modernidade no futebol brasileiro, fazendo jus ao DNA inovador e pioneiro de ambas as partes. Além disso, o novo uniforme do Corinthians também acompanha uma tendência global, presente nos maiores clubes do mundo, aliando  o que há de melhor em inovação e tecnologia”, afirma Nuno Silva, Gerente-Geral para Futebol da Nike do Brasil.

 

SERVIÇO

A estreia do terceiro uniforme acontece hoje, dia 14 de setembro, no Couto Pereira, contra o Coritiba, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. O novo uniforme já está disponível online na maior loja da Nike, o nike.com.  A partir do dia 14 de setembro estará à venda na loja da Arena Corinthians e no dia 16 nas lojas físicas.  A camisa principal será comercializada em duas versões: uma idêntica a dos jogadores e uma para torcedores. Os consumidores também poderão encontrar um modelo feminino e outro infantil.

                 

DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO

A tecnologia do tecido é a última versão do DRI-FIT da Nike em poliéster feito de fibras de garrafas plásticas recicladas, que garante secagem rápida do suor e, portanto, muito mais conforto.

Outra novidade são as listras pretas nas laterais da camisa, que percorrem os uniformes de alto a baixo, desde a camisa até o short. As listras se expandem quando o jogador está em movimento, aumentando a ventilação e auxiliando na respirabilidade, além de garantir maior resistência para o uniforme. A construção dos ombros oferece maior flexibilidade e mobilidade ao jogador.

No modelo “jogador”, o escudo do Timão traz a inovadora técnica “heat-transfer”, um material feito em silicone de alta densidade que é fixado ao tecido.

RESPONSABILIDADE E MEIO-AMBIENTE

A sustentabilidade é parte central de todos os uniformes criados pela Nike. As peças usam poliéster reciclado, garantindo performance sem igual e baixo impacto ambiental.

Camisa, short e meias são feitos de poliéster reciclado. O material tem como base garrafas plásticas que são derretidas, e em seguida produzem os finos fios que compõem o tecido. Cada uniforme usa, em média, 16 garrafas plásticas recicladas. Desde 2010, a Nike desviou quase 3 bilhões de garrafas plásticas de aterros sanitários, o suficiente para cobrir cerca de 5.200 campos de futebol.
Ao usar o poliéster reciclado, a Nike também reduz em 30% o consumo de energia em todo o processo de produção, em comparação com o sistema que utiliza poliéster virgem. Para mais informações, acesse: nikebetterworld.com.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Gostou? Não? Comenta aí: