Canelada

Home | « Todos os posts do Cruzeiro

Bem vindo, De Arrascaeta!

por
19/01/15

Belo Horizonte, 20 de março de 2014, por volta de duas horas antes da partida Cruzeiro x Defensor, válida pela Copa Brigestone Libertadores de 2014. Estava com um grupo de amigos tomando umas do lado de fora do Mineirão, quando de repente chega o ônibus da equipe visitante.

De longe eu via os jogadores dentro do veículo, mediante a vários xingamentos e uma chuva de latas e copos de cerveja, atirados em direção à delegação do Defensor.

Cada jogador reagia à sua maneira. Em sua maioria, respondiam as vaias com xingamentos. As latas jogadas, com gestos obscenos.

Bem à frente do ônibus, estavam duas pessoas, das quais só me lembro de uma.

Esta pessoa, a quem me refiro, parecia se divertir com toda aquela situação. Respondia as vaias com sorrisos. As latas jogadas, com danças. Queria viver o momento, e curtir cada detalhe. Não estava assentado nas cadeiras, estava de pé ao lado do motorista. Realmente estava curtindo toda aquela situação. Afinal, estava acabando de chegar em um dos maiores templos do futebol mundial. Palco que, meses depois, sediaria alguns jogos de uma Copa do Mundo FIFA de seleções.

Pressão? Que pressão?!

Os 90 minutos do jogo foram de idas e vindas. Cruzeiro abriu dois gols de vantagem, que acabou em questão de minutos.

Durante o espetáculo, o tal camisa 10 do time uruguaio desfilou seus dribles, arrancadas e passes com uma precisão excepcional. Desconjuntou o sistema de marcação Celeste. Com o auxílio de um jovem atacante brasileiro, o talentoso camisa 10 uruguaio infernizou nossa zaga do início ao fim.

20 anos de puro talento. 20 anos que parecem se multiplicar quando está sob algum tipo de pressão.

Para nossa alegria, o tal camisa 10 uruguaio que, assim como o Cruzeiro, tem descendência Italiana, agora veste a camisa mais bela do Brasil. A camisa do maior e melhor time do país.

Bem vindo, De Arrascaeta!

Desfrute desse período com a camisa celeste. Mostre serviço e curta seu momento, pois vestir essa camisa é para poucos. Curta o Cruzeiro, e permita que a torcida curta seu talento.

Ajude-nos a Copar a Libertadores de 2015, e seu nome ficará marcado na história do Gigante.

Honre o manto, e conte com a nossa torcida!

 

Saudações Celestes!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Gostou? Não? Comenta aí: