Canelada

Home | « Todos os posts do Juventus

Derrotado e na lanterna

por
7/08/16

O velho clichê futebolístico prevaleceu neste domingo na Javari: “Quem não faz, toma”. Mesmo concentrando a posse de bola e até criando algumas possibilidades de gol, o Juventus finalizou o primeiro turno da Copa Paulista perdendo em casa. O São Paulo, representado por uma equipe de base (Sub 20), venceu por um a zero, num jogo nervoso, marcado pela confusa arbitragem de Daniel Sottile e pela violência.

Mal a partida começou e Astorga levou uma cotovelada que lhe tirou da partida (foi substituído por Everton) e lhe rendeu 11 pontos na cabeça. O juiz não mostrou cartão nem sequer conversou com o agressor tricolor. Estava aberta a porta para as confusões posteriores. A primeira chance da equipe grená surgiu apenas aos 11 minutos, com um tiro por cima de Felipe Alves. Com os habituais erros de passe e posicionamento, as jogadas ofensivas construidas esbarravam na falta de um finalizador. Duas outras chances, aos 13 minutos com Marcelinho e Paulo Vítor, em sequência. Aos 33, num escanteio, outra possibilidade desperdiçada. E o juve nitidamente caiu de desempenho até o fim do primeiro tempo. Já nos acréscimos, briga em campo. Marcelinho irritou-se com a demora na cobrança de uma falta e foi tirar satisfações. Alguns jogadores juventinos partiram para cima dos são-paulinos. Graças à falta de pulso do árbitro tudo acabou com alguns cartões amarelos. E fim do primeiro tempo.

A etapa complementar começou com a defesa grená displicente, propiciando duas oportunidades ao SPFC, aos 2 e aos 6 minutos. Aos nove, Paulo Vitor tenta uma jogada ensaiada, que  parou  na defesa são-paulina. Mas o pior estava por vir: o (até então) pior time do grupo abriu o marcador num contra ataque, com Frizzo, aos 15 minutos. Partindo para o tudo ou nada, no desespero, a equipe grená ainda criou algumas chances, com Amoroso, e a melhor do Juventus no jogo, com Felipe Alves. No último lance do jogo, numa cobrança de falta, até o goleiro juventino subiu para a área adversária, mas a bola acabou nas mãos do arqueiro tricolor.

E assim, terminamos o primeiro turno,  como sétimo (e último) colocado no Grupo 3, com 4 pontos, um gol marcado (de pênalti) e saldo negativo de cinco gols. O próximo compromisso do Juventus será novamente na Javari, contra o líder XV de Piracicaba.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Gostou? Não? Comenta aí: