Canelada

Home | « Todos os posts do Sport

Uma boa vista para o Sport

por
9/03/17

Uma boa vista para o Sport que venceu bem ontem pela Copa do Brasil

Uma boa vista para o Sport (foto: globoesporte.com)

Uma boa vista para o Sport (foto: globoesporte.com)

Se o Sport não foi de uma exuberância como foi o Barcelona horas antes, o time conseguiu fazer uma partida técnica e taticamente melhor do que as últimas apresentações da equipe e venceu o Boa Vista por 3×0, apesar de estar desfalcado do seu melhor jogador no ano; Rithely. O Boa Vista até começou apertando o Leão no começo do jogo, principalmente pelo lado direito com Maicon (sim aquele que foi indicado por Falcão e passou 1 ano de férias no Recife), jogando pelas costas de Mena.

Mena

Falando do chileno, vale destacar a boa estreia dele. Se titubeou no começo, principalmente na composição defensiva, ele se recuperou ao longo da partida, fez um bom cruzamento para André, que acertou a bola no travessão. Depois, tabelou com Everton Felipe que cruzou para o camisa 90 marcar o primeiro gol leonino.

Tecnicamente, o camisa 6 mostrou-se melhor que Mansur e Caio e isso, claro, não é grande coisa. Todavia, foi perceptível que a mudança fará bem ao time, pois Mena tem qualidade não apenas para atuar como lateral ou ala, mas pode fazer durante o jogo, alguma função no meio, caso necessário. Precisa, contudo melhorar a composição defensiva, mas isso precisa de uma ação conjunta com os volantes e os zagueiros.

Rodrigo

Rodrigo foi outro que entrou bem. Depois de passar alguns jogos, distribuindo um arsenal de pancadas, ontem ele foi seguro, certeiro e com uma boa visão de jogo. Não inventou, não fez faltas desnecessárias e formou uma boa dupla com Ronaldo, que continua inconstante e pode, vir a amargar a reserva em breve. Se não tem a genialidade e a rapidez de Rithely, Rodrigo provou que além de bom marcador sabe passar bem a bola, ainda que de forma mais previsível.

Adversário

O Sport adora complicar jogos contra adversários mais frágeis, todavia isso não aconteceu ontem, apesar de ainda  o time jogar em bando e sem mostrar uma evolução técnica e tática no seu conjunto; a qualidade individual de alguns jogadores sobressaiu sobre o adversário, mas não se pode dizer que foi uma vitória de conjunto. Falta harmonia a um time que treina, mas parece não jogar junto faz tempo.

André e Leandro

Se André foi bem marcando dois gols, Leandro Pereira mais uma vez deixou a desejar. Pode ter sido taticamente importante e toda essa conversa que treinador adora, mas na verdade, atacante tem que fazer gol, porque se for para ser um jogador de frente para ajudar taticamente, tem que se usar um com mais mobilidade, disposição física e movimentação. Leandro vem se mostrando a cada jogo, apenas ser um reserva habitual.

Reflexos

Com um Diego Souza mais participativo e jogando uma competição com mais visibilidade, o time mostrou muito mais vontade que a vista nos últimos dois clássicos, o que pode mostrar um claro reflexo da posição do clube e das declarações do Presidente Arnaldo Barros sobre o campeonato pernambucano.

Depois da boa apresentação de ontem, Daniel Paulista ganhou créditos, apesar da “invenção” em colocar Neto Moura na ponta esquerda, quando o camisa 25 substituiu Everton Felipe, mas talvez tenha sido uma experiência válida para um jogo que já estava fácil.

PELO SPORT TUDO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Gostou? Não? Comenta aí: